Devido à queixa de pouca divulgação na mídia e visando não prejudicar o bom andamento do processo.
Informamos que na próxima segunda-feira, dia 18/03, somente das 08h às 12h, receberemos a ficha de cadastro dos adolescentes interessados.
MAS ATENÇÃO: Para participar é necessário que o adolescente resida no Município de Guarujá, tenha nascido no período de 01 de novembro de 2003 a 31 de dezembro de 2004 e curse o ensino médio em escola regular. Não é aceito EJA, CEEJAS ou outras formas de aceleração.
Pedimos que leiam o edital abaixo com muita atenção.

EDITAL: OPORTUNIDADE CAMP GUARUJÁ

1. FINALIDADE

1.1. A finalidade do presente edital é a inscrição para o ingresso no Serviço de Convivência e fortalecimento de vínculos – Programa Integração, conforme condições aqui estabelecidas.

 

 

2. OBJETIVO

2.1. O programa Integração não é remunerado. Até 200 adolescentes receberão cerca de 400h de cursos gratuitos, em módulos de formação Humano-Profissional e atividades de convivência e fortalecimento de vínculos. É um preparo prévio para o mercado de trabalho e, embora não vinculado ao Programa Aprendiz Integral (Socioaprendizagem), a conclusão com êxito é requisito básico. O convite para o Programa Aprendiz Integral será feito aos adolescentes que ao término do Programa Integração sejam aprovados com êxito e de acordo com demanda do mercado de trabalho.

 

 

3. DIVULGAÇÃO

    1. Encaminhamento de cartaz informativo para o CMDCA, CRAS, UNIDADES ESCOLARES, aos beneficiários do Serviço e mídia;
    2. Publicação do edital no Site e impresso afixado no mural de entrada do CAMP Guarujá – Unidade I.

 

 

4. PARTICIPAÇÃO

4.1. Poderão inscrever-se os RESIDENTES NO MUNICÍPIO DE GUARUJÁ, nascidos entre 01º DE NOVEMBRO DE 2003 E 31 DE DEZEMBRO DE 2004, que estejam cursando o ENSINO MÉDIO EM ESCOLA REGULAR - período noturno (entrada a partir de 19h) OU APTOS A CURSAR, NO INÍCIO DO SEGUNDO SEMESTRE DE 2019, o ensino médio em escola regular no período noturno (entrada a partir de 19h).

4.2. Não é aceito EJA, CEEJAS ou outras formas de aceleração.

4.3. Os adolescentes deverão ser representados na entidade, por PAI e/ou MÃE BIOLÓGICOS e que more na mesma casa ou outro RESPONSÁVEL LEGAL que tenha sua guarda ou tutela, comprovada por documento legal e que more na mesma casa que o adolescente.

4.4. É fundamental que o adolescente tenha real interesse pela vaga no programa e comprometa-se em acatar o regimento interno da entidade (www.camp-guaruja.org.br/regimento), cumprir integralmente a carga horária determinada e fazer diariamente os estudos/tarefas complementares solicitados.

 

 

5. IMPEDIMENTOS PARA A INSCRIÇÃO

5.1. Não atender plenamente a todos os requisitos desse edital;

5.2.  Ter sido aprovado em inscrição anterior no CAMP Guarujá.

 

 

6. INSCRIÇÃO

6.1. 1ª etapa

  • Atendendo à idade, residência, condições de escolaridade, o adolescente e seu responsável legal devem ler o edital completo e o regimento interno da entidade. Estando apto e concordando em acatá-lo e respeitá-lo, imprimir a ficha cadastral, preencher todos os campos sem omissões e assinar (adolescente e responsável).
  • Para entregar a ficha cadastral preenchida e assinada o próprio adolescente ou seu responsável devem comparecer somente nos dias 12 ou 13 de março de 2019, das 8 às 16h na sede do CAMP Guarujá – Unidade I – Av. Adriano Dias dos Santos, nº 700 – Jd. Boa Esperança – Guarujá- SP. Trazer o RG original do adolescente e uma cópia.
  • Na entrega será protocolado o cadastro dos adolescentes que atendam os requisitos do edital e somente posteriormente serão analisados, podendo ser chamados ou não para uma segunda etapa;
  • Até 450 adolescentes poderão ser chamados para a segunda etapa;
  •  A data da publicação da lista com os nomes dos adolescentes que deverão comparecer para entrevista psicossocial (segunda etapa de inscrição) estará no protocolo recebido na entrega da ficha cadastral.

6.2. 2ª etapa

  • A segunda etapa, após publicação da lista de chamamento, será composta de entrevista psicossocial e entrega de documentos – segunda etapa (www.camp-guaruja.org.br/documentos);
  •  A lista de documentação e solicitação de foto deve ser providenciada integralmente, com antecedência à data agendada para a entrevista. Na falta de quaisquer dos documentos ou foto, a segunda etapa não será realizada e o adolescente é desclassificado;
  • Na entrevista deverão obrigatoriamente, comparecer o adolescente inscrito e seu responsável legal (PAI e/ou MÃE BIOLÓGICOS e que more na mesma casa ou outro RESPONSÁVEL LEGAL que tenha sua guarda ou tutela, comprovada por documento legal e que more na mesma casa que o adolescente);
  • A entrevista será realizada exclusivamente no local, na data e horário agendados e adolescente e responsável devem comparecer pontualmente e munidos de todos os documentos e foto, solicitados no chamamento.
  • Após realizar a entrevista, o adolescente estará inscrito e receberá um protocolo com o nº de sua inscrição e data para verificação do resultado.

Atenção: O desrespeito às condições agendadas para a segunda etapa desclassificará o adolescente – as entrevistas não serão remarcadas. Em caso de dúvida, ao ser chamado para a segunda etapa, o adolescente deve entrar em contato com a secretaria da entidade, que estará à disposição, de segunda e sexta-feira (exceto feriados e emendas), das 8h às 17h. pelo telefone: (13) 3355-7906 ou WhatsApp 13 99711-0800

 

 

7. ANÁLISE DOS INSCRITOS

7.1. A Comissão de análise é multidisciplinar, composta exclusivamente por técnicos/funcionários do CAMP Guarujá.

7.2. As informações fornecidas na inscrição que não se confirmem como absolutamente verdadeiras poderão desclassificar o adolescente.

7.3. Não desclassificarão o adolescente interessado, dados de doença e/ou sociais, incluindo deficiências, problemas legais, vícios, conflitos ou outros. Caso prefira, o responsável legal pode solicitar atendimento com o serviço social da entidade para esclarecer qualquer situação, que será confidencial.

7.4. 3ª etapa

  • Análise dos inscritos pela Comissão de análise/avaliação.
  • A Comissão de análise poderá realizar, a qualquer tempo, visitas domiciliares para confirmação dos dados declarados e esclarecer dúvidas e omissões e/ou solicitar o comparecimento na entidade com a mesma finalidade.
  • As informações fornecidas que não se confirmem como absolutamente verdadeiras poderão desclassificar o adolescente.
  • Não desclassificarão o adolescente interessado, os dados de doença e/ou sociais, incluindo deficiências, problemas legais, vícios, conflitos ou outros. Caso prefira, o responsável legal pode solicitar atendimento com o serviço social da entidade para esclarecer qualquer situação, que será confidencial;
  • Para preencher as vagas disponíveis para o segundo semestre de 2019, serão consideradas as características da demanda de mercado para a turma a ser formada e, prioritariamente, o interesse do adolescente e prontidão para o início do treinamento no Programa IntegrAção, demonstradas na entrevista;
  • A análise, segundo critérios do Ministério do Desenvolvimento Social, priorizando famílias em vulnerabilidade socioeconômica, em que a renda familiar total não ultrapasse o valor de até três salários mínimos nacional vigente ou cuja renda percapta não ultrapasse meio salário mínimo nacional vigente e/ou vulnerabilidades pessoais, comparando-se as informações em ficha de inscrição, o diagnóstico de vulnerabilidade social informado pelo município e cadastro de bolsa família
  • A situação escolar do adolescente será avaliada. Não é essencial que tenham notas máximas, mas que, prioritariamente, sejam frequentes e interessados nos estudos. No entanto, as notas poderão funcionar como critério de desempate em caso de adolescentes com iguais condições socioeconômicas e interesse. É importante lembrar que os aprovados deverão estar cursando ou cursar até  o início do segundo semestre de 2019, o ensino médio em escola regular (não será aceito EJA ou CEEJAS ou outras formas de aceleração), com entrada a partir das 19h (noturno).

 

 

A base de cálculo percapta é realizada sobre o salário mínimo nacional definido para o ano de 2019.

 

8. DIVULGAÇÃO DE RESULTADO

8.1. Após ter realizado a segunda etapa de inscrição, o adolescente deve orientar-se pelo seu número de inscrição e a data de divulgação prevista em seu protocolo. Caso contemplado, o adolescente deve anotar com cuidado as instruções para matrícula.

8.2 O CAMP Guarujá não divulgará resultado por telefone ou pessoalmente, somente por meio de site e mural de entrada da entidade.

8.3 Junto à publicação do resultado final, é também divulgada a data, horário e local para matrícula e primeira reunião, com o adolescente contemplado e seu responsável legal, que more na mesma casa que ele, ambos portando RG original.

8.4 Esse encontro  e matrícula tem a duração de meio período e é obrigatório e intrasferível. O não comparecimento conforme instruções desclassificará o adolescente.

 

 

Atenção: Para esclarecimento de dúvidas, a secretaria da entidade estará à disposição, de segunda e sexta-feira (exceto feriados e emendas), das 8h às 17h. pelo telefone: (13) 3355-7906 ou WhatsApp (13) 99711-0800.

Confira:

Clique sobre